Novo regime automotivo prevê redução de IPI para carros econômicos


Novo regime automotivo prevê redução de IPI para carros econômicos
24 de setembro de 2012|Sem Comentários

Finalmente a negociação para regulamentar o novo regime automotivo chegou ao fim e entrará em vigor a partir de 2013. O acordo foi coordenado por Fernando Pimentel, ministro do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior, e prevê redução de 12% no consumo atual de combustível. As empresas que anteciparem os prazos irão ganhar bônus para redução de IPI.

Com a finalidade de incentivar a instalação de montadoras no Brasil, outra norma inclusa no novo regime automotivo será a fixação de cotas para veículos importados que podem entrar no país sem pagar o adicional de 30 pontos porcentuais do IPI.

O governo criou um índice para calcular o valor de desconto com uso de peças nacionais, o índice irá retratar a porcentagem da produção que é coberta por peças nacionais e servirá como multiplicador para o cálculo do desconto sobre o imposto. Quanto mais o resultado da multiplicação, menor será o imposto pago.

O novo regime automotivo também prevê redução de IPI para as empresas que investirem em desenvolvimento e pesquisa e que cumprirem um programa de etiquetagem do Inmetro (que mede a eficiência energética dos automóveis) e que realizarem atividades fabris e de infraestrutura de engenharia.

 

Participe da pesquisa e concorra à 04 camisetas oficiais do Contagiros.

Veja os Depoimentos desse Artigo.

Deixe um Comentário

*