Nova Ninja 300 da kawasaki tem preços a partir de R$17.990


kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-lateral-2
30 de janeiro de 2013|Sem Comentários

Esta semana, concessionárias de motos da Kawasaki começam as vendas do modelo  Ninja 300. Na versão 2013, ela passa a ser a moto de entrada da marca japonesa. Antes era vendida com cilindrada um pouco menor de 250cc.

Analisando o mercado e os aficcionados por motos, viram que este público quer um pouco mais de potência e afim de enfrentar a concorrência a marca colocou outras alterações técnicas. Ela está sendo vendida a princípio em duas versões. Com freios ABS por R$ 17.990 ou com o sistema, pelo preço sugerido de R$ 19.990.

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-farois

Além de aumentar o curso dos pistões, a Kawasaki fez mudanças também na embreagem e na injeção de combustível, além é claro do aumento real de potência. A carenagem passou por uma mudança importante e o modelo recebeu faróis duplos, como os modelos Ninja de cilindrada mais alta. O que deu um gás para a montadora foi o fato de apenas em 2012, a Ninja 250R  ter sido a segunda motocicleta esportiva mais vendida no Brasil (3.213 unidades), atrás apenas da Honda CBR 250R (3.334 motos emplacadas).

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-lateral

Entre as mudanças, o quadro foi reforçado; os freios, melhorados, inclusive com a opção do sistema ABS. O desenho foi reestilizado. Possui agora embreagem deslizante, que evita trancos na roda traseira em reduções de marchas mais bruscas. Para se ter uma idéia 45% dos componentes do motor são novos. Realmente a Ninja 300 mudou bastante em relação a 250 e a probabilidade que o mercado a aprove será enorme.

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-sem-carenagem

Motor muda em função do aumento de potência

Para atingir os 296 cm³ de capacidade do novo motor bicilíndrico, o curso dos pistões, agora feitos em alumínio, foi aumentado de 41,5 mm para 49 mm (o diâmetro fico igual, com 62 mm). Novas bielas, um duto de admissão redimensionado, além de novos virabrequim e eixo balanceiro também foram alterados.

Isso deixou a Ninja 300 com 39 cv a 11.000 rpm (contra 32 cv da versão anterior). O sistema de refrigeração líquida foi redimensionado para manter o motor na temperatura certa e, de quebra, ainda ganhou nova tecnologia para desviar o ar quente do piloto, batizada de KAMS (Kawasaki Air Management System).

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-painel-digital-frontal

Também para aproveitar a potência do motor, o câmbio de seis marchas foi reajustado, enquanto o sistema de injeção eletrônica passou a contar com duas válvulas de aceleração. Dessa mudança veio o maior benefício do novo propulsor: o torque, além de maior (2,8 kgfm), está disponível em outra faixa de giros.

O consumo por incrível que pareça também será um dos destaques: O modelo de 250 cc fazia entre 18km/l e 21 km/l. A nova de 300 cc, segundo o fabricante faria entre 22km/l e 24 km/l.

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-night-street

Pelo visto com estas mudanças a moto ficará ainda mais competitiva e não estranhe se ela passar as vendas da CBR 250R. Mas pode apostar também que a Honda não é boba e logo logo deve fazer mudanças no modelo.

Ficha técnica da Kawasaki Ninja 300

+ Motor: Dois cilindros paralelos, 12 válvulas, DOHC, refrigeração líquida.
+ Potência: 39 cv a 11.000 rpm.
+ Torque: 2,8 kgfm a 10.000 rpm.
+ Câmbio: Seis marchas.
+ Alimentação: Injeção eletrônica.
+ Dimensões: 2.015 mm x 715 mm x 1.110 mm (CxLxA).
+ Peso: 172 kg em ordem de marcha.
+ Tanque: 17 litros.
+ Preço: R$ 17.990 (sem frete, freios ABS e seguro).

kawasaki-ninja-300-2013-a-partir-17990-visao-frontal

 

Participe da pesquisa e concorra à 04 camisetas oficiais do Contagiros.

Outros Artigos que você deveria ver!