Três dos maiores fabricantes de autos da Rússia podem se unir


30 de agosto de 2009|Sem Comentários
A foto não é uma montagem, é um Lada mesmo!

A foto não é uma montagem, é um Lada mesmo!

A crise que afeta a economia mundial parece não ter prejudicado a indústria automotiva da Rússia, um dos países emergentes mais importantes do mundo ao lado de Brasil, Índia e China.
 
Segundo informações da agência de notícias AFP, três das maiores fabricantes de automóveis e caminhões da Rússia podem unir suas forças. A nova empresa, que seria batizada como Rosavto, contaria com Avtovaz (responsável pela produção dos modelos da Lada), a marca de caminhões Kamaz – que compete anualmente no Rali Dakar – e a fabricante de motores Avtodizel.

A nova empresa seria formada por quatro subsidiárias, responsáveis pela produção de veículos leves, caminhões, motores e autopeças. O comando ficaria a cargo da Russian Technologies, conglomerado que atua em diversos setores.

Apesar de ser vista com bons olhos por pessoas ligadas à indústria, analistas financeiros condenam a fusão. Georgy Ivanin, do banco de investimentos Alfa Bank, afirmou que “não vê sinergia na união de uma montadora de automóveis com outra que produz caminhões”.
 
Atualmente, a Renault detém 25% da Avtovaz, enquanto que a Daimler possui 10% das ações da Kamaz.

Essa e outras matérias você pode seguir pelo twitter

 

Participe da pesquisa e concorra à 04 camisetas oficiais do Contagiros.

Veja os Depoimentos desse Artigo.

Deixe um Comentário

*