Kawasaki Vulcan 2000


16 de abril de 2009|2 Comentários

2005-kawasaki-vulcan-2000-limited11

Os detalhes no acabamento, que colocam a Vulcan 2000 na frente do design de cruisers, inclui um potente farol tipo projetor, de quatro lâmpadas, num alojamento cromado da Nacelle – o primeiro para uma cruiser de linha de produção.

Em adição ao seu estilo alto padrão, está o painel de instrumentos cromado com seu velocímetro de face grande, montado num amplo tanque de combustível de 5,5 galões, o painel em forma de V mantém ao piloto informado com uma tela LCD e lâmpadas indicadoras.

O assento tipo balde com assento de passageiro com trava, complementa a silhueta longa e curva da Vulcan 2000, e oferece conforto para viagens longas.

A potência para esta elegante cruiser, vem de um enorme motor de dois cilindros em V que inclui um diâmetro por curso de 103 x 123.2mm, pistões forjados, varas de conexão de aço de liga, grande volante de 220mm, dois cames localizados na caixa de motor de peça única e varas de conexão do lado direito operando quatro válvulas por cilindro. Notavelmente, os engenheiros da Kawasaki escolheram um design de vara de conexão, visando reduzir a altura do motor, o que contribui de forma direta ao baixo centro de gravidade e baixa altura do assento da Vulcan 2000Além disto, os reguladores de controle de válvula hidráulica mantêm automaticamente uma distância zero de válvula para uma operação mais suave e silenciosa.

kawasaki-vulcan-2000

Os aficionados das cruisers apreciarão o clássico som dos dois cilindros em V da Vulcan 2000, graças em parte, ao eixo de manivelas de pino único, enquanto dois balanços e a montagem sobre borracha do motor mantêm um funcionamento suave.

Para fornecer uma rápida resposta de acelerador em qualquer rotação, a unidade eletrônica de controle (UEC) do motor da Vulcan 2000, gerencia a injeção eletrônica de combustível com seus dois corpos de acelerador de 46mm e válvulas de sub-acelerador, assim como o sistema de ignição de vela de irídio. As válvulas de sub-acelerador fornecem à Vulcan 2000 uma banda de potência suave e linear, enquanto os finos injetores atomizantes do altamente sofisticado sistema de injeção de combustível fornecem uma mistura ultra fina de combustível/ar aos cilindros, para maior eficiência de combustão, maior potência e máxima economia de combustível.

A quarta parte superior do motor de dois cilindros em V tem arrefecimento líquido, e as temperaturas, para as três quartas partes inferiores do motor, são gerenciadas por elegantes aletas de alta capacidade de arrefecimento. Adicionalmente, o motor e câmbio incluem bomba de óleo e água incorporadas, com o câmbio também servindo como tanque de combustível.

O filtro de ar do sistema de injeção de combustível está localizado entre os cilindros, os quais apresentam um acabamento preto fosco, e as aletas polidas ostentam um brilho metálico. Dois escapamentos emitem um característico rugido de motor de dois cilindros em V, e incluem catalisadores de colméia, para reduzir as emissões.

Uma corrente de transmissão Hyvo, transfere torque do grande motor de dois cilindros em V para a caixa de câmbio de cinco marchas, onde está alojada a embreagem multi-disco. Para beneficiar-se completamente da avançada eletrônica da Vulcan 2000, um sensor de posição de marcha no câmbio envia sinais à UEC, melhorando ainda mais o volume de injeção de combustível e os tempos de ignição, e consequentemente aumentando o desempenho. A potência final para a roda traseira é proporcionada por uma transmissão por correia de operação suave, silenciosa e de baixa manutenção.

vulcan_2000_classic_1

O motor de dois cilindros em V é utilizado como membro do chassi de berço duplo e aço da Vulcan 2000, que inclui uma infra-estrutura de grande diâmetro, box-section de tubo único. Fixado ao chassi, tem uma simples porém elegante suspensão traseira de braço de balanço de tubo de aço com um amortecedor único de ação direta. A suspensão traseira fornece um deslocamento de 3,9 polegadas, e inclui ajuste de pré-carga e recuo de mola. Na frente, grandes garfos de 49mm, fornecem um retorno de direção preciso e um deslocamento de 5,9 polegadas.

A Vulcan 2000 possui rodas brilhantes de 16 polegadas de alumínio fundido, com um pneu radial frontal de 150/80, e um enorme pneu radial traseiro de 200/60 – o maior pneu radial existente numa cruiser de motor de dois cilindros em V de produção em linha. Os dois freios a disco dianteiros de 300mm, com pinças de quatro pistões e um único freio a disco traseiro, com pinça de dois pistões, proporcionam freadas suaves e potentes para esta grande cruiser.

A customização é parte fundamental de qualquer experiência com uma cruiser, assim a Kawasaki desenvolveu um conjunto de acessórios para a Vulcan 2000. Os pára-brisas, encostos para passageiros, assentos com espuma adicional, apoio para pés para passageiros, proteções de motor e uma barra leve, podem ser comprados nas concessionárias Kawasaki.

Motor: 4 Tempos, SOHC, 8V, 2 cilindros em V
Cilindrada: 2053
Trasmissão: 5 Velocidades
Sistema de Transmissão: Corrente
Tanque: 20,8 Litros

Fonte:  motovicio.com.br

 

Participe da pesquisa e concorra à 04 camisetas oficiais do Contagiros.

Veja os Depoimentos desse Artigo.

2 comentários sobre “Kawasaki Vulcan 2000”

  1. wilson disse:

    É A MOTO MAIS BONITA DA CATEGORIA PARABÉNS.
    GOSTARIA DE SABER SE AINDA ESTÁ EM LINHA OU ATÉ QUE ANO FABRICOU.

  2. Marcos Roberto Remedi disse:

    Boa noite a todos vcs da Kawasaki tenho o gande prazer fazer um grande elogio sobre essa magnifica máquina que eu acabei de ver essa linda moto Vulcan 2000 cilindrada é uma belissíma moto, bom eu gostaria de saber o valor dessa moto,caso vcs da kawasaki queira passar o preço mandar pelo meu email….. Aguardo o retorno de vcs da Kawasaki……………Campinas São Paulo…….04/06/2011………..

Deixe um Comentário

*